O Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CBMG) informou que encontrou um segmento ósseo aparentemente humano, na última quinta-feira (27), durante as buscas pelas 11 vítimas não encontradas do rompimento da barragem B1 da Mina Córrego do Feijão, em Brumadinho, no dia 25 de janeiro de 2019.

Os bombeiros acreditam se tratar de um antebraço. O segmento foi encontrado pelas equipes na área de buscas conhecida como “Remanso 4” e encaminhado à perícia da Polícia Civil para análise técnica e confirmação de uma possível vítima do desastre.

As buscas pelas vítimas foram retomadas após mais de cinco meses de interrupção em função da pandemia de coronavírus.

Desde o rompimento da barragem, 259 corpos foram recuperados.