Belo Horizonte registrou nove mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas e passou a contabilizar 1.644 vidas perdidas na cidade por causa do novo coronavírus. De acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela prefeitura nesta sexta-feira (27), a região Noroeste é a mais afetada pela epidemia entre as noves regionais da capital.

Na região Noroeste, foram registrados 793 casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) provocada pelo novo coronavírus e 215 óbitos. São 19 mortes a mais do que a segunda regional com maior número de vítimas da epidemia, a Nordeste, onde foram registrados 196 óbitos.

Embora seja a regional com maior número de mortes, a regional Noroeste é a quarta em registros de SRAG – o que mostra uma letalidade maior entre os moradores hospitalizados por conta de complicações da Covid. Confira o gráfico:

gráfico regionais

 

Entre os bairros da região Noroeste que mais registraram mortes por Covid estão Aparecida (10), Caiçaras (13), Carlos Prates (17), Coqueiros (13), Jardim Alvorada (18), Padre Eustáquio (15) e Pindorama (13).

Números não atualizados

O número de casos confirmados de infectados pelo novo coronavírus não foi atualizado pela Prefeitura de Belo Horizonte devido a um problema técnico no sistema do Ministério da Saúde. Apenas o número de mortes pôde ser contabilizado.

O boletim mostrou que a taxa de transmissão do novo coronavírus se mantém estabilizada, embora ainda em estado de alerta. O número médio de transmissão por infectado (Rt) está em 1,08 – o que significa que 100 pacientes transmitem para 108 pessoas, neste momento.

As ocupações dos leitos reservados a pacientes com Covid também se mantêm estabilizadas, em nível de controle (verde). Confira:

indicadores 27,11