Mais dois casos de febre amarela foram registrados em Nova Lima, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. As novas vítimas são dos bairros Boa Vista e Jardim Canadá, segundo informou a prefeitura do município. Agora, a cidade tem seis mortes, dois casos confirmados e três ainda em investigação para a doença.

Nesta terça-feira (23) será realizada uma pulverização contra o mosquito nos bairros Santa Rita e Galo, das 6h às 10h. A prefeitura pede que os moradores tomem alguns cuidados por causa da aplicação do produto, como cobrir todos os alimentos e utensílios domésticos, torneiras e locais de água potável. 

Outra medida é retirar a roupa do varal, mesmo que molhada, e só colocar novamente 30 minutos após a aplicação do pulverizador. Também é importante cobrir ou virar de cabeça para baixo bebedouros de animais e remover gaiolas de passarinhos e animais domésticos. Outra providência a ser tomada é manter abertas portas, janelas e cortinas, facilitando a entrada do inseticida na casa. 

Idosos acamados e recém-nascidos devem permanecer no quarto com janelas e portas fechadas. E a prefeitura alerta também que não é aconselhada a permanência de pessoas próximo ao local de pulverização, principalmente crianças, idosos, pessoas alérgicas e com problemas respiratórios.

Nas redes sociais, a administração municipal tem feito campanhas de conscientização para combater à doença. Assista ao vídeo: 


Leia mais:
Inscrições para vagas de trabalho no hospital Eduardo de Menezes se encerram nesta terça
Brumadinho e Juiz de Fora confirmam mortes por febre amarela