Nova operação na Serra termina na apreensão de grande quantidade de drogas e R$ 22 mil

Tabata Martins - Hoje em Dia
05/02/2014 às 19:32.
Atualizado em 20/11/2021 às 15:50
 (Polícia Militar/Divulgação)

(Polícia Militar/Divulgação)

A realização de nova operação policial no Aglomerado da Serra, região Centro-Sul de Belo Horizonte, terminou na apreensão de grande quantidade de drogas e dinheiro no começo da noite desta quarta-feira (5).    De acordo com militar do Batalhão de Rondas Táticas Metropolitanas (Rotam) da Polícia Militar, durante a ação de combate ao tráfico de drogas e outros crimes violentos, três suspeitos correram na direção de casa localizada na rua Bandonion, que é conhecida como "Via do Pó", ao notarem a presença da corporação no aglomerado. Em seguida, o trio entrou no imóvel de dois andares e conseguiu escapar pelos fundos do local. No entanto, após buscas na residência suspeita, os policiais encontraram 112 pinos de cocaína, 30 buchas de maconha, nove pedras de cocaína, três comprimidos de ecstasy, um relógio dourado avaliado em R$ 3 mil, uma capa de colete à prova de balas, uma blusa de frio camuflada semelhante à farda policial, um HD externo, três celulares, e mais R$ 22 mil em dinheiro.   "Todo o material recolhido estava espalhado na casa e suspeitamos que o segundo andar do imóvel era usado pelos suspeitos para vigiar a chegada da polícia e rivais. Algumas cadeiras e o colete foram achados exatamente no segundo pavimento, que possui vista privilegiada do aglomerado. A casa servia como depósito", conta o soldado Madson Miranda.   Conforme Miranda, os donos da residência e de todo material apreendido foram identificados por meio de carteiras de identidade e fotos deixadas para trás por eles. "Nas fotos, os criminosos aparecem em festas realizadas na casa vistoriada. Além dessa evidência, as pessoas são as mesmas dos documentos achados", explica o soldado.   O caso foi encerrado na Central de Flagrantes (Ceflan), no bairro Floresta, na região Leste da capital mineira. O paradeiro do trio será investigado pela Polícia Civil.

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por