De janeiro a agosto deste ano, os consumidores da Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH) chegaram a ficar, em média, 5h31 sem energia elétrica. Para tentar evitar situações desse tipo no período chuvoso, a Cemig vai aumentar a potência da rede elétrica e inaugurar a subestação Calafate, na região Oeste da capital.

Os investimentos somam R$ 227 milhões. A estatal informou que foram reformadas subestações, linhas e redes e instalados novos equipamentos automatizados.

Uma das principais medidas, segundo a companhia, é o início do funcionamento da subestação Calafate, prevista para dezembro. A unidade irá ampliar a capacidade de suprimento do sistema elétrico na região Oeste, beneficiando 15 bairros, incluindo o Centro.

A Cemig também aumentou a potência instalada em 105 Megavolt Ampére (MVA), recapacitou 40 quilômetros de linhas de distribuição e construiu 31 quilômetros de linhas novas na região metropolitana. Também foram concluída as obras de atualização tecnológica da Subestação (SE) BH Sion.