O hospital que passará a funcionar dentro do antigo Clube Fiat, em Betim, na Grande BH, por causa da pandemia do novo coronavírus, já deve começar a receber pacientes com sintomas da Covid-19 já na primeira semana de abril. Ao todo, serão 120 leitos de enfermaria para pacientes de baixa complexidade diagnosticados com a doença.

Segundo a prefeitura de Betim, outro setor que poderá funcionar na unidade será para recuperação dos pacientes que receberem alta da terapia intensiva.  

A previsão é de que os pacientes fiquem internados no local e depois sejam enviados para isolamento em casa. Os casos que evoluírem para quadros mais graves serão direcionados para os leitos de UTI instalados no Hospital Público Regional e, posteriormente, para a unidade intensiva que será instalada no Centro Materno Infantil, que está em fase de conclusão de obras. 

O espaço possui aproximadamente 2 mil m², de área adaptada, dividido em dois pisos, sendo que o primeiro piso será destinado ao atendimento assistencial e o inferior será dedicado à retaguarda dos profissionais da saúde, como vestiários, refeitório, almoxarifado e sala de descanso.

Leia mais:

Prefeitura de Betim anuncia contratação de profissionais da saúde para hospital da Unimed
Justiça libera R$ 38 milhões da Vale para serem usados no combate ao coronavírus em Minas