A partir deste mês, centenas de moradores do bairro Buritis, na região Oeste de Belo Horizonte, vão contar com o fornecimento de gás natural subterrâneo. O serviço, oferecido pela Gasmig, irá atender a residências, padarias, restaurantes, hotéis e quaisquer outros comércios que utilizem o gás em fogões e até para o aquecimento de água.

Para ampliar o atendimento na região, a Gasmig iniciou nesta sexta-feira (15) obras em vinte ruas do bairro. As intervenções devem durar por uma semana. Neste período, a Gasmig informou que os moradores podem ouvir ruídos e cheiro de gás.

"Durante a atividade de retirada do nitrogênio e entrada do gás natural da rede de distribuição, a população poderá ouvir barulhos, mas, reiteramos que o processo segue todas as normas de segurança e é acompanhado por profissionais preparados", garantiu. Ainda conforme a empresa, o serviço será monitorado por uma equipe técnica por 24h. 

Após a conclusão da obra, o gás natural será oferecido para os moradores das ruas Marco Aurélio Miranda, Doutor Célio Andrade, Engenheiro Aluísio Rocha, Doadora Eliane Stancioli, Alessandra Salum Cadar, José Amaury Ferrara, Professor Miguel Souza, avenida Protásio de Oliveira Penna, Francisco Fernandes dos Santos, José do Patrocínio Carneiro, Esmeraldo Botelho, José Hemetério Andrade, Henrique Furtado Portugal, Dr. Lucídio Avelar, Líbero Leone, Juruena, Aripuanã, Jandiatuba, Guamá e Ji Paraná.

Gás natural

A gaseificação consiste na disponibilização do gás natural na tubulação para alimentar os condomínios e comércios aptos para receberem o energético. O energético é menos inflamável que os outros combustíveis. 

Ele ainda é mais leve que o ar, se dissipa rapidamente em caso de vazamento, o que diminui o risco de explosões. O gasoduto é subterrâneo, o que reduz o risco de acidentes e dispensa estocagem em recipientes de alta pressão (botijões).