Onça pintada macho de mata atlântica-cerrado, o felino Pytu é o mais novo morador do Jardim Zoológico de Belo Horizonte. Com um ano e meio de idade, ele foi trazido do Refúgio Biológico Bela Vista, de Itaipu-Binacional, em Foz do Iguaçu (PR). O animal será o novo companheiro de Janis, onça pintada fêmea de 17 anos.

De acordo com a Prefeitura de Belo Horizonte, a vinda de Pytu para Belo Horizonte aconteceu por causa de uma cooperação técnica com o Instituto Chico Mendes para Conservação da Biodiverisdade (ICMBio) e a Associação de Zoológicos e Aquários do Brasil (AZAB). As instituições verificaram que o Jardim Zoológico daqui tinha boas condições para receber a jovem onça.

Por enquanto, o animal está em um local reservado, sem contato com outros felinos, tendo contato unicamente com os veterinários. “Esse período é essencial para uma melhor acolhida e integração do animal ao seu novo ambiente, além de minimizar o estresse natural que ocorre durante qualquer transferência”, explicou a prefeitura.

Enquanto não vai para sua morada, Pytu passa por uma série de exames, como hemograma completo, bioquímica sanguínea, exames parasitológicos e de urina. Ainda não foi divulgada a data em que o público poderá conhecer Pytu.

Vale lembrar que a visita ao Jardim Zoológico de Belo Horizonte agora só acontece aos finais de semana e é feita mediante agendamento pelo site da prefeitura

pytu onça zoológico

Durante a "quarentena", Pytu só tem contato com os veterinários