Foram presas 29 pessoas na manhã desta quarta-feira (27), em Montes Claros e Francisco Sá, no Norte de Minas, durante uma operação chamada de "Brejo das Almas", realizada pelo Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) e a Polícia Militar (PM). A ação possui 28 investigados e tem como objetivo combater o crime organizado ligado ao tráfico de drogas.

Dentre os detidos, 23 foram em decorrência de 34 mandados de prisão, entre preventiva e temporária, expedidos, outras três por desacato, duas por porte de arma e uma por receptação. Foram apreendidas três armas de fogo, uma carabina de pressão, cinco celulares, 100 gramas de crack, 200 gramas de maconha e R$ 841 em dinheiro.

Ainda foram cumpridos 17 mandados de busca e apreensão. Participaram da operação, 87 policiais militares e 18 viaturas.  A Polícia Civil disponibilizou ainda um delegado e dois investigarores para prestar auxílio ao município de Francisco Sá.

Os detidos em Francisco Sá serão encaminhados para o presídio de segurança máxima do município. Em Montes Claros os presos serão levados para o presídio regional.

Os trabalhos de investigação começaram há 10 meses, segundo o MP, e foi desenvolvido em conjunto com a PMMG, Promotoria de Justiça de Francisco Sá e Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) de Montes Claros.

Os levantamentos apontaram associação para tráfico e tráfico, inclusive com a participação de adolescentes, além de posse, porte e disparos de armas de fogo, crimes como tentativas de homicísio, corrupção de menores, coação de testemunhas no curso do processo e associação criminosa com intuito de praticar delitos de roubo.