Vinte e dois flanelinhas que agiam de forma irregular na Savassi, região Centro-Sul de Belo Horizonte, foram presos no fim da noite de quinta-feira (3). A ação que resultou nas detenções foi realizada de forma conjunta entre fiscais da Prefeitura de Belo Horizonte (PBH) e Polícia Militar.

O objetivo da operação, conforme a PM, foi abordar os flanelinhas que não tem cadastro na prefeitura e que exercem a atividade irregular. Várias vias da Savassi foram vistoriadas, mas a maior concentração de prisões aconteceu na esquina das ruas Pernambuco com Tomé de Souza.

Todos foram presos por contravenção penal, já que se trata de exercício ilegal de profissão, e levados para a Central de Flagrantes (Ceflan).