Palco de importantes fatos de Minas Gerais e símbolo da república, o Palácio da Liberdade foi aberto neste sábado (8) para visitação pública. A atração fez sucesso. Todos os ingressos – que são gratuitos, mas devem ser retirados com antecedência pela internet – esgotaram. Como houve desistências, muita gente que se aventurou e foi até o local conseguiu passear pela imponente construção de 1987.

A expectativa é a de que 800 pessoas visitem o Palácio neste final de semana. As turmas são divididas em 11 grupos de 25 pessoas por dia. Elas passearão pelas estruturas durante cerca de 30 minutos. As visitas são acompanhadas pelos chamados “anjos”, que contam um pouco da história do local. Durante a semana, o Palácio será aberto exclusivamente às escolas. 

Palácio da Liberdade Guilherme Marcelino

Guilherme Marcelino, de 5 anos, visitou o Palácio pela primeira vez

O funcionário público Sílvio Bernardes foi ao Palácio de última hora e conseguiu um vaga na visitação. Acompanhado dele, estava Guilherme Marcelino, de 5 anos, que visitou o local pela primeira vez. “É muito legal aqui. É muito bonito”, disse o estudante.

A professora aposentada Leila Rodrigues também aproveitou o sábado ensolarado para visitar a estrutura. Ela levou a neta Isabela, de 8 anos, que se encantou com o passeio. “É extremamente importante que o Palácio seja aberto ao público. Ele conta a história de Belo Horizonte e de Minas Gerais”, ponderou Leila.

Leila Isabela Rodrigues Palácio Visitação

 A professora Leila Rodrigues aproveitou o sábado ensolarado para visitar a estrutura com a neta Isabela, de 8 anos


Jardim
Se os grupos estiverem cheios, o visitante tem a opção de conhecer o hall de entrada, a sala de fotos e o Jardim. Nele, há um lago com cinco cisnes e um orquidário. 

Espaço interno
Dentro do Palácio, o visitante se depara com pinturas parietais, tetos decorados, lustres impecáveis, portas entalhadas e muitos detalhes por todos os lados. Os símbolos republicanos, como a águia (que representa liberdade), marcam o local. O café e o ferro, tradicionais de Minas, também.

palácio da liberdade quarto do governador

O quarto do governador foi montado com móveis originais da época

As escadarias são um show a parte. Com curvas e elementos decorativos da art nuveau, elas são adornadas com folhagens e rendas de ferro. A estrutura foi fabricada na Alemanha e enviada ao Brasil em 1897.

escadaria palácio da liberdade

Monumentais, as escadas foram fabricadas na Alemanha em 1897