O secretário de Estado de Cultura, Angelo Oswaldo, anunciou nesta quinta (18), em audiência pública na Assembleia Legislativa, a abertura do Palácio da Liberdade para visitações em setembro deste ano. Ele disse ainda que a utilização do Palacete Dantas, onde seria instalado o Centro Cultural Oi Futuro, já está definida, mas não quis adiantar os planos da pasta para o espaço, pois o projeto será anunciado “em breve”. 
 
O Palácio da Liberdade está fechado desde o início do ano para reformas, obras de infraestrutura e alterações no sistema de combate a incêndio. 
 
“Acabamos de restaurar a antiga sala de cinema do Palácio para projeção de audiovisuais. Os filmes não serão mais projetados de sala em sala, mas sim neste auditório no pavimento térreo do Palácio da Liberdade”, disse o secretário.
 
Já o Palacete Dantas não chegou a ser reaberto pelo governo passado dentro do Circuito Cultural Praça da Liberdade por falta de recursos para obras. A Oi desistiu de integrar o complexo cultural e procura um novo local em Belo Horizonte para instalar o Oi Futuro.
 
A primeira previsão do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico (Iepha-MG), segundo a presidente Michele Arroyo, é de R$ 14 milhões para pagamento dos débitos deixados pelo governo anterior e retomada das obras para funcionamento dos prédios que estavam fechados – como o Rainha da Sucata – e dos que foram encontrados em “mau estado de conservação” como a Biblioteca Pública e o Arquivo Público Mineiro.
 
A audiência na Assembleia foi solicitada pelo deputado estadual Lafayette Andrada (PSDB), após publicação de matérias do Hoje em Dia sobre os novos rumos do Circuito Cultural Praça da Liberdade.