O Passeio Niemeyer, espaço entre o Parque Municipal e o Palácio das Artes vai ser inaugurado nesta quinta-feira (5) com a proposta de democratizar o acesso ao complexo cultural.

A alteração vai diminuir as distâncias dos visitantes e o portão ficará aberto das 9h às 18h, de terça a sábado, e, aos domingos, das 16h às 18h, de acordo com o horário de encerramento da Feira de Artesanato.

O Passeio Niemeyer chegará até o Jardim Interno, que dá acesso à Galeria Arlinda Corrêa Lima, espaço que passa por reformas de pavimentação, com calçamento português. O Jardim Interno vai ganhar arquibancadas, que vão funcionar não aepnas como assentos, mas também como espaço de encenações artísticas dos Alunos do Cefart.

"Estamos requalificando o entorno interno do Palácio das Artes, criando uma espécie de rua para organizar as 'artérias' e 'veias' de circulação das pessoas e criando maior interação entre os espaços. Acreditamos que, dessa forma, conseguimos prestar uma homenagem a Niemeyer, ao resgatarmos o conceito original criado por ele para o Palácio das Artes, com o acesso ao prédio pelo Parque Municipal. O Palácio das Artes será o lugar da 'travessia' entre a rua e o Parque", comemora Augusto Nunes-Filho, presidente da Fundação Clóvis Salgado.

O presidente da FCS explica que a obra faz parte de um conjunto de medidas para melhorar o aproveitamento dos espaços. O Café do Palácio foi revitalizado e também vai contar com um piso de calçada portuguesa.

A fonte luminosa ganhou novos revestimentos para destacar a arquitetura original. Outra novidade é o sistema de bombeamento para evitar poças d'água a proliferação de mosquitos.

A Galeria Mari'Stella Tristão teve seu espaço de exposção ampliado e desde 2017. Já a PQNA Galeria Pedro Moraleida é um novo espaço do complexo cultural, que ao juntamente com a Grande Galeria Alberto da Veiga Guignard, abriga trabalhos artísticos dos mais variados.