A visitação aos parques municipais de Belo Horizonte poderá ser realizada sem agendamento prévio a partir desta semana. A alteração na forma de acesso foi divulgada nesta segunda-feira (18) pela Fundação de Parque Municipais e Zoobotânica (FPMZB) da PBH. 

Segundo a prefeitura, todos os locais abertos ao público poderão ser frequentados de forma livre, de terça a domingo, desde que dentro do horário de funcionamento de cada um deles. 

Desde agosto do ano passado, devido a pandemia de Covid-19, a administração municipal vem realizando a reabertura gradual dos parques da cidade, analisando o cenário junto ao Comitê de Enfrentamento à doença da capital. Vale destacar que continuam valendo as recomendações da Secretaria Municipal de Saúde (SMSA), já conhecidas pela população, para prevenção à enfermidade, como manter distância física das demais pessoas e higienizar com frequência as mãos usando álcool 70% ou água e sabão.

Além disso, a máscara permanece sendo de uso obrigatório em qualquer espaço público da capital, conforme decreto municipal. Portanto, nos parques, ela também deve ser utilizada durante toda a permanência do visitante. 

Vacinação contra febre amarela 

Para entrada nos parques Aggeo Pio Sobrinho e Jacques Cousteau, é obrigatória a apresentação, na portaria, do documento de identidade com foto e cartão de vacinação, comprovando a imunização contra a febre amarela há, pelo menos, dez dias antes da visita. Já nos parques Serra do Curral e Mangabeiras, o usuário deverá preencher uma declaração de que já foi vacinado.

Crianças menores de 9 meses, por não poderem ser vacinadas contra a doença, não podem acessar esses parques. Veja os critérios para esse imunizante:

  • Crianças, ao completarem 9 meses de vida, devem tomar uma dose;
  • Crianças, ao completarem 4 anos de idade, devem tomar a dose de reforço;
  • Pessoas de 5 a 59 anos de idade, não vacinadas ou sem comprovante de vacinação, devem tomar uma dose;
  • Pessoas que receberam apenas uma dose da vacina antes de completarem 5 anos de idade devem tomar uma dose de reforço.

Confira abaixo a relação de parques abertos

Funcionamento de terça-feira a domingo, das 8h às 17h

  • Parque Ecológico da Pampulha - Francisco Lins do Rego (entrada permitida até as 16h)
  • Parque Municipal Aggeo Pio Sobrinho (obrigatória comprovação de vacinação contra febre amarela)
  • Parque da Serra do Curral (entrada permitida até as 16h. Obrigatória comprovação de vacinação contra febre amarela)
  • Parque das Mangabeiras (entrada permitida até as 16h. Obrigatória comprovação de vacinação contra febre amarela)
  • Parque Municipal Jacques Cousteau (obrigatória comprovação de vacinação contra febre amarela)
  • Parque Nossa Senhora da Piedade
  • Parque Municipal Fazenda Lagoa do Nado
  • Parque Elias Michel Farah
  • Parque Ecológico do Bairro Caiçara
  • Parque Ecológico Vencesli Firmino
  • Parque Ursulina de Andrade Mello
  • Parque Pedro Machado
  • Parque Cássia Eller
  • Parque Municipal Renato Azeredo
  • Parque Municipal Carlos de Faria Tavares (Vila Pinho)
  • Parque do Bairro Havaí
  • Parque Roberto Burle Marx
  • Parque Bandeirante Silva Ortiz
  • Parque do Conjunto Estrela Dalva
  • José Lopes dos Reis (Baleares)
  • Parque do Bairro Cenáculo
  • Parque Universitário
  • Parque Primeiro de Maio
  • Parque Municipal Fernão Dias
  • Parque Ismael de Oliveira Fábregas
  • Marcos Mazzoni
  • Parque Real
  • Parque Rosinha Cadar
  • Parque Tom Jobim
  • Parque Professor Amílcar Vianna Martins

De terça a sexta-feira, das 8h às 17h

  • Mata das Borboletas
  • Julien Rien

De domingo a domingo, sem restrição de horário

  • Parque Ecológico Alfredo Sabetta
  • Parque da Vila Pantanal
  • Parque Halley Alves Bessa
  • Parque Jornalista Eduardo Couri
  • Parque do Bairro Trevo
  • Parque da Matinha
  • Parque Municipal Tião dos Santos
  • Parque do Confisco
  • Parque Juscelino Kubistchek
  • Área do Vertedouro da Barragem Santa Lúcia
  • Parque das Nações
  • Parque Linear do Vale do Arrudas
  • Parque Linear José Cândido da Silveira
  • Parque Jardim Montanhês

Leia mais:
Em evento em Minas, Bolsonaro diz que 'vai resolver' extensão do auxílio emergencial nesta semana
Minas registra 166 casos e nove mortes por Covid nas últimas 24 horas
Escolas de BH não precisam manter revezamento entre alunos a partir desta segunda