A Prefeitura de Belo Horizonte informou nesta quinta-feira (28) que manterá, no mês de fevereiro, a distribuição de cestas básicas e kits de higiene no mês de fevereiro. A decisão foi tomada considerando o fechamento do comércio não essencial e a necessidade de garantir a segurança alimentar das famílias. 

A administração municipal comunicou ainda que vai analisar mensalmente a manutenção das entregas das cestas básicas, conforme a situação de emergência em saúde pública. A intenção é garantir a segurança alimentar das famílias beneficiadas.

Para a consulta, as famílias devem acessar o site, informar o número do CPF e o primeiro nome do responsável pela matrícula, no caso de estudantes, ou pelo cadastro, no caso dos demais públicos – famílias em situação de vulnerabilidade social.

Segundo a prefeitura, mais de 2,6 milhões de cestas já foram distribuídas desde março do ano passado, totalizando mais de 48 mil toneladas de alimentos. Já foram entregues 420 mil kits de higiene para famílias residentes em vilas, favelas, ocupações urbanas, moradores de comunidades tradicionais e catadores de materiais recicláveis avulsos e cooperados cadastros pela SLU ou pela Associação dos Catadores de Materiais Recicláveis (ANCAT).