PBH: pessoas com sintomas leves de gripe devem procurar Centros de Saúde para não sobrecarregar UPAs

Bernardo Estillac
bernardo.leal@hojeemdia.com.br
21/12/2021 às 16:59.
Atualizado em 29/12/2021 às 00:35

Moradores de Belo Horizonte com sintomas leves de doenças respiratórias, como gripe, devem procurar os Centros de Saude antes das Unidades de Pronto Atendimento (UPA). A recomendação foi feita pelo secretário de Saúde da capital, Jackson Machado, em entrevista coletiva nesta terça-feira (21).

De acordo com Jackson, existe uma ilusão de que o serviço prestado pela UPA é mais rápido, mas as unidades trabalham com uma classificação de risco para priorizar os atendimentos. Desta forma, pacientes com sintomas leves sobrecarregam o funcionamento e ainda precisam aguardar mais para serem atendidos.

"Entre janeiro e 30 de novembro de 2021, passaram 452.683 pessoas pelas nossas UPAs. Desse total, 311.421 foram classificadas como pacientes que não tinham urgência associada ao caso", afirma o secretário de Saúde.

Jackson Machado lembra que os Centros de Saúde de BH estão capacitados para atender a população e possuem, inclusive, testes para detecção da Covid-19.

A capital mineira conta com nove UPAs e 152 Centros de Saúde em sua rede de atendimento médico de urgência.

Leia mais:

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por