Os 152 centros de saúde de Belo Horizonte voltam a ter câmeras de segurança, alarme e concertina. O contrato com empresa que fornece o serviço estava suspenso, e será retomado a partir deste mês, com a instalação dos equipamentos em 239 prédios municipais. A medida foi anunciada nesta quarta-feira (27) pelo secretário de Saúde, Jackson Machado. 

A renovação do serviço estava prevista para ocorrer até o fim de 2018, como mostrou o Hoje em Dia. No entanto, o reforço na segurança vem agora, momento em que 44 novas motocicletas também foram compradas para integrar o programa Patrulha SUS, que garante as rondas da Guarda Municipal nos centros de saúde. 

“É uma maneira de aumentarmos a vigilância nos postos para dar mais tranquilidade, tanto aos pacientes quanto aos trabalhadores. Mais uma tentativa de diminuir o número de episódios de violência nesses locais”, explica o secretário de Saúde, Jackson Machado. O Executivo ainda aprovou, na última terça (26), a compra de mais veículos para o programa, mas não detalhou quantas motos integrarão o pacote.