PM e Guarda Municipal acabam com festas que promoviam aglomerações durante o fim de semana em BH

Rosiane Cunha
rmcunha@hojeemdia.com.br
18/10/2020 às 17:51.
Atualizado em 27/10/2021 às 04:49
 (Guarda Municipal/Divulgação)

(Guarda Municipal/Divulgação)

Policiais militares, guardas municipais e fiscais da prefeitura tiveram que interromper duas festas com aglomerações em Belo Horizonte neste fim de semana. Em um delas, os agentes foram hostilizados pelos participantes do evento. 

Na madrugada deste sábado (18), moradores acionaram o 190 várias vezes, incomodados com o barulho provocado por um baile funk na rua Arauto, que fica na Vila Pau Comeu, no Aglomerado da Serra, região Centro-Sul da cidade. Segundo o boletim de ocorrência, no local as pessoas estavam fazendo uso de bebida alcoólica e drogas.

Mas nem mesmo a presença dos militares e dos guardas municipais foi suficiente para o público deixar o local. Além disso, ainda conforme o boletim, os participantes da festa xingaram os agentes e jogaram pedras e paus contra as viaturas. Em seguida, eles foram para a Praça do Cardoso, também no aglomerado, onde a PM conseguiu dispersar a multidão.

Pagode

Já no bairro Olhos d'Água, na região Oeste da metrópole, várias pessoas participavam de uma festa de pagode. Segundo informações, o evento chegou a reunir cerca de 300 pessoas na tarde de sábado. A maioria não usava máscara.

Uma equipe de fiscalização da PBH esteve no local e encerrou a festa.

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por