Dois adolescentes de 17 anos que teriam envolvimento no latrocínio - roubo seguido de morte - de dois idosos foram baleados e mortos durante um tiroteio com a Polícia Militar. O caso foi registrado na zona rural de Leandro Ferreira, na região Centro-Oeste de Minas, e causou pânico aos moradores do lugarejo. Outros dois suspeitos foram detidos e, conforme a PM, confessaram participação no crime que tirou a vida dos idosos.

Segundo consta em Boletins de Ocorrências, uma quadrilha chefiada por um jovem de 17 anos foi a responsável por uma série de delitos na região. No feriado prolongado, eles teriam cometido ao menos dois roubos, um em Pitangui e outro em Leandro Ferreira. Nos dois casos, conforme aponta as investigações, os suspeitos mataram as vítimas.

Para frear a ação da quadrilha, uma força-tarefa foi montada e a PM conseguiu chegar até dois rapazes, ambos de 19 anos. Eles foram presos em Pitangui e estavam com um revólver calibre .32. Posteriormente, os militares seguiram até Leandro Ferreira onde estariam os outros dois comparsas, incluindo o chefe do bando.

Lá, de acordo com o B.O, os policiais foram recebidos a tiros e revidaram. No tiroteio, os dois menores foram baleados. Eles foram socorridos até a Santa Casa de Pitangui, mas não resistiram aos ferimentos.

Com a dupla, a PM apreendeu dois carros roubados, uma pistola .380, um revólver .38, 42 munições .22, dois celulares, além de 1.060. Os dois estão à disposição da Justiça. A PM informou que a Polícia Judiciária Militar está apurando a conduta dos policiais envolvidos na ocorrência.