Nome de super-herói de quadrinhos e do cinema, Aquaman também batiza um perigoso criminoso que, após escapar da policia de forma inacreditável em maio, finalmente foi preso nesta segunda (22), em Contagem, numa operação que envolveu 30 agentes.

O Aquaman mineiro foi preso no mesmo condomínio, próximo ao Complexo Penintenciário Nelson Hungria, onde protagonizou uma "fuga de cinema", ao pular numa lagoa, nadar e escapar por um matagal.

De acordo com relatos policiais, ele saltou na parte de pedra da lagoa, caiu com as duas mãos sobre ela e deu uma cambalhota, caindo em seguida na água, desaparecendo sem deixar vestígios.

Desta vez, a Polícia Civil se reforçou para evitar uma nova fuga: 30 homens foram inseridos ocultamente no condomínio, por meio de uma van. Cercado, ele chegou a tentar fugir, sem sucesso.

O "Aquaman" foi condenado a 18 anos de prisão por ter cometido, pelo menos, cinco assassinatos relacionados ao tráfico de drogas no bairro São Geraldo, região Leste de Belo Horizonte.