A Polícia Civil prendeu nessa segunda-feira (30), uma mulher de 21 anos suspeita de participação na morte de um empresário em Mutum, no Vale do Rio Doce. O mandante do crime, de 39 anos foi detido no último sábado (28).

O crime ocorreu no dia 23 maio deste ano. O dono de um bar, de 31 anos, foi morto a tiros dentro do estabelecimento que fica na MG-108, na entrada da cidade. Segundo a ocorrência da Polícia Militar, um homem chegou em uma motocicleta e foi até o caixa e pediu uma cerveja. Em seguida, ele efetuou vários tiros contra a vítima, que morreu no local após ser atingida na cabeça e no pescoço.

Segundo as investigações, imagens de câmeras de segurança do bar mostram a suspeita no local do crime. Ela teria ido ao local para verificar se o alvo do ataque estava lá. Logo em seguida à visita da suspeita, o autor do homicídio chegou e atirou várias vezes contra ele.

A suspeita foi encaminhada ao presídio.

De acordo com a Polícia Civil, os levantamentos continuam na tentativa de localizar o autor do homicídio.

Leia mais:
Madrugada na Grande BH tem dois mortos com 50 tiros e outras cinco vítimas de balas perdidas
Casal é executado com sete tiros dois dias após se mudar para o Barreiro
Homem é confundido com autor de ato obsceno e morre após ser espancado em Uberaba