Polícia Civil prendeu em flagrante, nesta segunda-feira (11), o suspeito de matar a facadas o próprio pai na noite deste domingo (10), durante um ritual de "purificação", no bairro São Geraldo, região leste de Belo Horizonte.

De acordo com informações da polícia, ele foi encaminhado pela equipe de plantão do Departamento de Investigação de  Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), para prestar depoimento  sobre o caso.

Ainda segundo as informações da Polícia Civil, ele confessou o crime, mas afirmou que uma entidade teria entrado em seu corpo, o que o levou a matar o pai, para purificá-lo. O jovem foi autuado por homicídio e ocultação de cadáver.

O corpo, foi encontrado em pela polícia em avançado estado de decomposição no domingo (10). De acordo com a perícia da Polícia Civil, o crime teria acontecido cerca de seis dias antes.

Segundo o delegado Emerson Morais, responsável pelas investigações, o suspeito tem distúrbios mentais, além de um histórico de dez ocorrências de conflitos familiares com o pai. “Vamos encaminhá-lo com uma guia para o Instituto Médico Legal para perícia de sanidade mental”, explicou. Posteriormente, ele será encaminhado à ala especial para detentos com transtorno mentais da Penitenciária Professor Jason Soares Albergaria, em São Joaquim de Bicas.