fake

A Polícia Civil investiga a autoria de vídeo que ganhou as redes sociais durante a semana, que sugere que a Prefeitura de Belo Horizonte estaria fazendo enterros com caixões cheios de pedras e madeira para inflar os números da pandemia de Covid-19 e alarmar a população.

Uma mulher diz ter recebido a informação e alega que ela não estaria sendo divulgada pelos meios de comunicação de forma proposital. As acusações foram prontamente desmentidas pela PBH.

Em nota, a PCMG informa que a pessoa que aparece nas imagens pode responder por difamação (caso haja representação da vítima) ou denunciação caluniosa (com pena máxima de oito anos de reclusão), o que não depende de solicitação da parte prejudicada.

Além disso, solicita a quem tenha informações relevantes sobre a identidade do autor do vídeo que denuncie de forma anônima por meio do telefone 181.