A Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG) está com efetivo reforçado nas ruas para fiscalizar o toque de recolher nos 853 municípios do Estado.  A medida restringe a circulação das pessoas entre 20h e  5h pelos próximos 15 dias, como anunciado pelo governador Romeu Zema, nessa segunda-feira (15), para conter o avanço da transmissão da Covid-19 no Estado.

O chefe da Polícia Militar do Estado, coronel Rodrigo Sousa Rodrigues, informou que quem desobedecer ao toque de recolher pode ser punido com multa e até voz de prisão. A abordagem, inicialmente, será educacional, mas, em caso de reincidência, o cidadão pode ser preso por crime contra a saúde pública.

A porta-voz da PMMG, capitão Layla Brunnela, conversa com a repórter Maria Amélia Ávila sobre as medidas tomadas pela corporação para fiscalizar e garantir o cumprimento das ações impostas pela Onda Roxa do programa Minas Consciente, do governo do Estado, nesta quarta-feira (17), às 17h30. A live será transmitida pelo Instagram do Hoje Em Dia.