Um homem de 35 anos foi preso pela Polícia Civil suspeito de vários roubos em Belo Horizonte. O autor é dono de uma extensa ficha criminal de 34 páginas que inclui furto, estelionato e formação de quadrilha.

Segundo a Polícia Civil, ele foi detido no dia 10 de outubro, no bairro Cachoeirinha, região Nordeste da capital. As investigações duraram dois meses e, de acordo com o delegado Rafael de Souza Horácio, o autor usava um aplicativo de transporte para atrair as vítimas.

"Como motorista desse aplicativo, ele interrogava, de maneira informal, dentro do veículo, os clientes. Tentava descobrir se a residência estaria sendo monitorada ou não, se estaria habitada ou não para, assim, poder praticar furto à residência" explicou.

delegados da PCMGEquipe da Polícia Civil responsável pela prisão do suspeito de vários roubos em BH

Ainda conforme a PC, ele seria integrante da quadrilha do "Pica Pau", conhecido no meio policial e responsável pelo roubo à casa de um desembargador e ex-presidente do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG).

O homem possui treze mandados de prisão já cumpridos e mais de 45 anos de penas a serem cumpridos.