Políciais da 7ª Região de Polícia Militar, com sede em Divinópolis, prenderam, na madrugada deste sábado (7), quatro suspeitos da explosão de caixas eletrônicos em agências bancárias na cidade de Piumhi, na região Centro-Oeste de Minas. Deles, três têm passagem por roubo, tráfico de drogas e porte ilegal de armas.

Durante as investigações realizadas pela PM, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) interceptou veículo Fiat Punto de cor cinza com quatro ocupantes, na Rodovia MG 050. Ao vistoriar o veículo, foi encontrada grande quantidade de dinheiro dentro do painel, dentro de sacolinhas de plástico. 
Em conversa com os suspeitos, os policiais tomaram conhecimento de um sítio em São Sebastião do Oeste, às margens da mesma rodovia, nas proximidades do pedágio do município, que estaria sendo usado pela quadrilha. 

O local foi invadido pelos policiais que encontraram um arsenal composto por pistolas semi-automáticas, submetralhadoras e fuzis, inclusive um HK com calibres como 556, 763 e.40, de uso restrito. Foram recolhidos, também, 11 coletes balísticos, 14 rádios de comunicação tipo HT, máscaras anti-gás, um veículo Toyota Hilux que foi usado durante a explosão do caixa eletrônico e vasto material explosivo, entre outros itens.

A PMMG vai conceder coletiva nas próximas horas para apresentar os detalhes do caso, em Divinópolis. As investigações continuam na tentativa de encontrar outros membros da quadrilha.

​Assista ao vídeo do ataque:


​Leia mais:
Bandidos explodem agências bancárias em Piumhi, no Centro-Oeste de Minas