Uma menina de 2 anos, que teria sido agredida pelo padrasto, está internada em estado grave em Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. O suspeito está foragido.

O crime ocorreu no bairro Vila Universal, em Betim, também na Grande BH, na noite de segunda-feira (26). Segundo a Polícia Militar, a tia da criança contou que estava na cozinha quando ouviu gritos da menina, que estava deitada em um colchão no chão do quarto. Quando ela chegou ao cômodo, a garota estava desacordada no colo do companheiro da mãe. Ela começou a gritar por socorro e pediu ajuda a uma vizinha, que é técnica de enfermagem.

Elas levaram a criança para a Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) no bairro Petrolândia, em Contagem. A vítima tinha lesões na orelha e no rosto e o médico informou que, aparentemente, os ferimentos não eram resultado de uma queda e, sim, de violência.

A garota precisou ser reanimada e, em seguida, foi transferida para o Hospital Municipal, em função da gravidade do caso. A polícia foi acionada mas, quando os militares chegaram à casa da família, o suspeito havia fugido.

A mãe da menina, que é cuidadora de idosos, estava trabalhando no momento das supostas agressões.

Leia Mais:
Manifestação de moradores fecha o trânsito na Barão Homem de Melo, em BH
Câmara dá parecer favorável ao processo de cassação de Dr. Jairinho
Em carta, mãe de Henry diz que Dr Jairinho a agredia e pede novo depoimento