Com o Natal, é chegada também a época de confraternizações familiares, ceias fartas e trocas de presentes entre pessoas queridas. Mas nem todo mundo tem essa sorte. Em Belo Horizonte, existem mais de 8 mil pessoas em situação de rua, segundo o Ministério da Cidadania. No entanto, o número de vagas em abrigos institucionais da prefeitura para acolher essa população é de 1.704, insuficiente para comportar todos que não têm um teto sob o qual dormir. 

Pensando nisso, cerca de 50 voluntários da Igreja Adventista do Sétimo Dia, localizada no Centro de BH, decidiram se reunir para preparar uma ceia caprichada para moradores de rua no entorno da praça da Rodoviária, com direito à orquestra e presentes. A chamada Ceia de Natal Solidária acontece neste sábado (14), a partir das 18h30, e poderá atender a 300 pessoas em situação de rua. 

O cardápio inclui galinhada, salada, frutas, suco e bolo, que poderão ser consumidos à vontade enquanto a orquestra se apresenta para eles. E os convidados também serão presenteadas com itens como roupas e livros. 

A coordenadora do projeto que já acontece há três anos, Walkíria Moreira, explica que o trabalho junto à população de rua da capital não acontece somente no Natal. 

"Desde 2017, em todos os sábados, nós distribuímos marmitas e água para cerca de 100 moradores de rua na região hospitalar. Mas no Natal, quisemos fazer algo mais especial. Muitos deles são pessoas que não têm trabalho ou perderam a saúde mental, sofrem de depressão profunda. Montar uma mesa farta de alimentos, sobremesa, e também presentes e música, pode ajudá-los a reconquistar a dignidade e lembrar que eles também têm direitos", explica. 

Os alimentos e presentes que serão oferecidos são oriundos de doações, e qualquer pessoa pode ajudar, não somente no Natal, mas em todos os outros dias do ano. Basta entrar em contato com a Igreja Adventista do Sétimo Dia, localizada no Centro de BH, e se oferecer como voluntário. O contato é 3222 3300.  

Leia mais:

Iluminação de Natal da Praça da Liberdade começa nesta quarta-feira com 1.500 microlâmpadas
Dia do Voluntário: saiba de onde vem a vontade de ajudar o próximo nesta época do ano
Sites e aplicativos ajudam a organizar o tradicional 'amigo oculto' de fim de ano; veja como