A partir desta quinta-feira (8), os ônibus de Belo Horizonte vão voltar a circular no início da madrugada. Isso porque a prefeitura ampliou o horário de funcionamento dos coletivos em uma hora. 

Até então, os ônibus estavam parando de rodar às 23h59. Com a alteração, publicada nesta quarta-feira (7) no Diário Oficial do Município (DOM), o prefeito Alexandre Kalil determinou que os veículos circulem até uma hora da manhã. 

Este foi mais um passo no processo de flexibilização da cidade. Até o fim de agosto, os coletivos rodavam em horário reduzido nos domingos e feriados, entre 6h e 9h59 e entre 16h e 19h59. 

As linhas alimentadoras das estações de integração funcionavam, além dos horários citados, entre 20h e 20h59.

Entenda

Antes da pandemia e em um dia útil normal, o sistema de transporte coletivo da cidade transportava cerca de 1,2 milhão de usuários em 24.500 viagens. Com a chegada da Covid-19, a BHTrans contabilizou uma diminuição de aproximadamente 75% no número de viagens.

Com esse argumento, a empresa permitiu a redução da quantidade de viagens para 12 mil por dia - queda de 50%. No início de agosto, com a permissão de abertura de lojas e shoppings, o número de viagens foi alterado, chegando a 13 mil viagens/dia nas segundas e terças e cerca de 14,6 mil viagens/dia de quarta a sexta-feira.

Duas semanas depois, quando as atividades puderam funcionar durante toda a semana, o número de viagens feitas pelos ônibus subiu mais um pouco e alcançou 15,6 mil por dia. O número representa o transporte de 550 mil passageiros - 44% do número de usuários de antes da pandemia.

*Com Anderson Rocha

Leia mais:
Taxa de transmissão do novo coronavírus continua subindo e preocupa em BH
Fake news: é falsa informação de que calorão mata o novo coronavírus
Belo Horizonte ganha mais cinco túneis de desinfecção contra o coronavírus