A prefeitura de Belo Horizonte, por meio do Diário Oficial do Município de Belo Horizonte, decretou o aumento da tarifa dos ônibus suplementares a partir desta quinta-feira (29). A medida contraria a decisão da Justiça tomada no último dia 9, que determinou que a BHTrans suspenda o reajuste aplicado no fim do ano passado.
 
Com o novo decreto, a passagem de R$ 2,05 passou para R$ 2,20; a de R$ 2,35 saltou para R$ 2,50 e a de R$ 2,85 foi reajustada para R$ 3,10.
 
Conforme a publicação, o aumento da tarifa levou em consideração, entre outras coisas, a variação nos preços dos principais insumos do transporte, em especial o óleo diesel e o salário de motorista e que a tarifa dos ônibus convencionais já haviam sido reajustas.
 
Os créditos eletrônicos dos Cartões BHBUS Usuário adquiridos até o 28 de dezembro de 2014 poderão ser utilizados até o dia 11 de fevereiro de 2015, com manutenção do valor de uso, ou seja, serão debitados os valores das tarifas anteriores ao reajuste. A partir de 12 de fevereiro de 2014, serão debitados os valores das tarifas vigentes.
 
Já os créditos eletrônicos dos Cartões Vale-Transporte, adquiridos até 28 de dezembro de 2014, poderão ser utilizados com a manutenção do valor de uso, ou seja, serão debitadas as tarifas anteriores ao reajuste.