A Polícia Civil prendeu, na noite desta quarta-feira (23), três suspeitos de estelionato envolvidos com a venda de imóveis em área nobre no bairro Braúnas, na região da Pampulha, em Belo Horizonte.

Ronaldo Vidal, 62 anos, Nedir Rocha dos Anjos, 44, e Wanderson Rodrigues da Silva, 45, são suspeitos de se passarem por corretores de imóveis.

Segundo a corporação, o trio negociava partes de um terreno avaliado em mais de R$ 10 milhões. O trio foi preso em flagrante durante a formalização da venda do terreno.