O último feriado prolongado antes das festas de fim de ano se aproxima e, com ele, aumentam as preocupações com o grande fluxo de veículos nas rodovias e no entorno do Terminal Rodoviário Governador Israel Pinheiro, no Centro de Belo Horizonte. Para garantir a segurança e fluidez no trânsito, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e a BHTrans já se programam para a operação Proclamação da República 2019.

A PRF lança as ações preventivas à 0h da próxima quinta-feira (14), com intensificação na fiscalização com cerca de 800 policiais e 150 etilômetros em pontos estratégicos das rodovias mineiras até às 23h59 de domingo (17). 

O foco será na prevenção e diminuição da gravidade de acidentes, na resposta rápida para garantir fluidez ao trânsito e no combate às infrações de trânsito que causam mais acidentes, como ultrapassagens proibidas, dirigir sob influência de álcool e transitar pelo acostamento.

Restrições de tráfego

Por medida de segurança, devido ao aumento no fluxo de veículos, a PRF restringirá o tráfego de bitrens, rodotrens, treminhões, cegonheiras carregadas e veículos com cargas excedentes, que necessitem de Autorização Especial de Trânsito (AET). A medida, porém, vale somente para rodovias federais de pista simples, e em alguns dias do feriado.

Confira abaixo os dias e horários das restrições:

• 14/11/2019, quinta-feira das 16h às 22h;

• 15/11/2019, sexta-feira, das 06h às 12h;

• 17/11/2019, domingo das 16h às 22h.

A multa para quem descumprir a determinação é de R$ 130,16, com 4 pontos na carteira, além da retenção do veículo.

Rodoviária BH

Já as intervenções no trânsito na região da rodoviária de Belo Horizonte começam na quarta-feira (13) e vão até a próxima segunda (18). Confira:

OPERAÇÃO

INÍCIO

TÉRMINO

DIA

PLANO OPERACIONAL

13, 14, 15/11 (quarta, quinta e sexta-feira)

SAÍDA

14h

24h

15/11 (sexta-feira)

Monitoração

-

-

16/11 (sábado)

Monitoração

-

-

17/11 (domingo)

CHEGADA

15h

24h

18/11 (segunda-feira)

CHEGADA

5h

12h

 

 
Plano de saída:
 
Proibição de estacionamento 

- Rua Rio Grande do Sul, entre avenida do Contorno e rua dos Tupinambás (somente lado direito);

- Rua Saturnino de Brito, em toda a extensão, no sentido da via (lado direito), com desativação de carga e descarga;

- Rua Paulo de Frontin, entre rua Acre e rua dos Guaranis, no sentido da via lado direito).

Fechamentos operacionais 

- Rua Paulo de Frontin com avenida Olegário Maciel, sob o viaduto B;

- Rua Paulo de Frontin com rua Acre, somente trânsito local;

- Rua Paulo de Frontin com rua dos Guaranis (com saída para a rua dos Caetés), permitindo a saída do estacionamento;

- Rua dos Caetés com avenida do Contorno, canalização, criando direita livre;

- Viaduto B, fechamento alça da rua dos Caetés;

- Canalização de saída do estacionamento superior para acesso à rua dos Guaranis e/ou plataforma inferior e veículos vindo da plataforma superior para passagem pelo estacionamento inferior/contra-fluxo na rua Paulo de Frontin. Essa saída em direção à rua 21 de Abril será a mesma para veículos que acessarem o estacionamento inferior e taxistas.
 
 
Plano de chegada: 

- Na Avenida Olegário Maciel com rua dos Caetés, vindo do viaduto B, alça avenida Pedro II, será feito bloqueio operacional com desvio via rua dos Carijós, somente para ônibus rodoviário, com o objetivo de evitar que não desrespeitem a fila de desembarque.

- Na rua dos Caetés com rua dos Guaranis, ônibus rodoviário vindo do viaduto B – alça avenida Antônio Carlos deverá mudar de faixa (abertura da mureta do viaduto – alça avenida Pedro II), com o objetivo de acessar a avenida do Contorno para a fila de desembarque. Caso efetuado o fechamento na avenida Olegário Maciel com rua dos Caetés (descrito acima), esses ônibus deverão seguir na avenida e convergir à direita, acessando a rua dos Carijós até a avenida do Contorno.

- Avenida do Contorno com rua 21 de Abril, os agentes devem garantir a fluidez na avenida do Contorno, em ambos os sentidos.

- Na rua Paulo de Frontin com avenida Olegário Maciel, serão priorizados o trânsito da rua Paulo de Frontin, devido ao grande número de ônibus com intenção de acessar a área de desembarque. Também serão ordenados os acessos à rodoviária, permitindo apenas ônibus e táxi. Os veículos que não queiram acessar a rodoviária deverão seguir pela avenida Olegário Maciel.

- Rua Paulo de Frontin, entre avenida Olegário Maciel e rua Acre, acesso somente trânsito local.

- Ônibus “Rodoviária Desembarque” serão estocados na faixa à esquerda da avenida do Contorno (junto à mureta do Ribeirão Arrudas), preservando as conversões à esquerda na rua Rio Grande do Sul (mão inglesa) e rua dos Caetés, acesso para Corpo de Bombeiros e Restaurante Popular.

- É de fundamental importância a priorização de saída de veículos da rodoviária (táxi e ônibus) devido, inclusive, à poluição provocada pelos escapamentos e a geração de novas vagas para o embarque de táxi e o desembarque de passageiros dos ônibus.
 
Fila de táxi
 
A fila seguirá para a rua Acre pela rua dos Caetés, avenida Olegário Maciel, rua dos Tamoios, rua Rio Grande do Sul até no máximo a esquina com rua dos Tupinambás. Dentro da plataforma de desembarque, a operação de táxi será efetuada por duas filas, diminuindo o tempo de embarque.
 
Durantes esses dias, agentes de trânsito, guardas municipais e Polícia Militar vão operar o tráfego na região e nos principais acessos à rodoviária.

Arte Trânsito