O professor da Escola de Medicina da UFMG Rodrigo Bastos Fóscolo, que passou por um transplante de fígado após contrair febre amarela, recebeu alta do Hospital Felício Rocho. A informação foi confirmada pela assessoria da unidade de saúde. Porém, não há informações detalhadas sobre o estado de saúde do médico.

Outro paciente que passou por um transplante de fígado, no mesmo hospital, após contrair febre amarela, também recebeu alta recentemente.

Fóscolo foi internado com insuficiência hepática em fevereiro e exames laboratoriais confirmaram o diagnóstico de febre amarela. De acordo com a Secretaria de Estado de Saúde (SES), há suspeita de que ele tenha contraído a doença em Caeté, na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

Alguns parentes do médico chegaram a publicar nas redes sociais que ele havia sido vacinado contra a doença, mas a secretaria não considera a informação, pois a família não apresentou o cartão com o histórico vacinal do paciente.

Transplante

O órgão transplantado em Fóscolo veio de Uberlândia, no Triângulo Mineiro, no dia 26 de fevereiro. O avião King Air da Polícia Militar foi o responsável por fazer o translado. 

A internação de Fóscolo gerou grande comoção entre a comunidade médica, que chegou a fazer uma campanha por grupos de WhatsApp para que colegas avisassem ao MG Transplantes imediatamente assim que houvesse um possível doador de fígado em um hospital. A família do médico também movimentou uma grande campanha pelas redes sociais com pedido de doação de sangue em nome do paciente.

Rodrigo Bastos Fóscolo é endocrinologista formado na UFMG em 1994. Ele também se especializou em fisiologia e farmacologia. Desde 2006, o médico é docente da UFMG, integrando o Departamento de Clínica Médica e o setor de endocrinologia do Hospital das Clínicas.

Leia mais:
Professor de medicina passa por transplante de fígado após internação com suspeita de febre amarela
Transplante de fígado foi realizado em seis pacientes com febre amarela em Minas
Médico da UFMG é confirmado com febre amarela e não tem registro de vacinação