Fim da angústia e força para seguir trabalhando. A emoção toma conta dos trabalhadores da educação de Belo Horizonte nesta quarta-feira (26), primeiro dia da vacinação contra a Covid para esses profissionais. A movimentação é intensa em alguns postos de imunização da cidade.

Em Belo Horizonte, professores e funcionários da educação infantil de 41 a 49 anos podem receber a primeiro dose da Astrazeneca hoje. Nessa quinta (27), é a vez de quem atua nas creches e pré-escolas com mais de 18 anos. A campanha ocorre em postos fixos e no sistema drive-thru, até às 16h. Os endereços estão disponíveis no portal da prefeitura, confira aqui

Quem aproveitou as primeiras horas do dia para garantir a imunização, não deixou a emoção de lado. Caso da coordenadora pedagógica, Márcia de Assis Fonseca, de 59 anos. “É vacina para todo mundo, as vidas importam”, afirmou. A profissional agora se diz ansiosa para receber a segunda dose, esperando "que a vida volte ao normal com saúde e justiça”.

Vacinação professores BH

A coodenadora pedagógica Márcia de Assis Fonseca recebeu a vacina nesta quarta-feira

Nesta manhã, o Hoje em Dia esteve em um posto extra montado na Secretaria Municipal de Educação. No local, longas filas foram formadas, mas a imunização ocorreu de forma rápida e tranquila.

“Muito satisfeita, foi muito rápido. Doeu um pouco, mas foi tranquilo. Agora é só esperar a segunda dose para ficar 100% aliviada”, disse a auxiliar de limpeza de uma instituição privada da capital, Cláudia Fernandes da Cruz.

Para se proteger, o profissional precisa apresentar um documento que comprove o vínculo com a unidade de ensino em BH, por meio do contracheque emitido nos últimos 3 meses, carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS) com especificação da função, contrato de trabalho ou declaração emitida pela instituição.

Também é preciso estar com um documento de identidade com foto, não ter recebido qualquer vacina nas últimas duas semanas nem ter testado positivo para o novo coronavírus com início de sintomas nos últimos 30 dias.

Mais vacinação

Além dos professores, moradores de rua começam a ser imunizados em BH. A expectativa da prefeitura é vacinar 8,5 mil pessoas. Equipes volantes farão o acolhimento das 8h às 16h em vários pontos da cidade a partir desta quarta.

(*) Com Lucas Prates

Leia mais:
CPI da BHTrans tem reunião marcada para esta quarta na Câmara de BH
BH inicia hoje vacinação contra Covid-19 dos trabalhadores da educação; vejam quem pode se imunizar
Mais 10 mil famílias de Belo Horizonte devem mandar os filhos para as escolas nas próximas semanas