Os focos de incêndio em vegetações mineiras quase dobraram nos primeiros 15 dias deste mês, em relação a igual período do ano passado. Conforme o Corpo de Bombeiros, houve aumento de 71,64% nas queimadas - que saltaram de 476 para 817, aumento de 341 áreas incendiadas.

Na Região Metropolitana de Belo Horizonte, o número de incêndios também chama atenção. Foram 180 focos nos primeiros 15 dias, contra 132 em 2018, aumento de 36,36%. 

Incêndio Buritis

Foi registrado aumento de 71,64% nas queimadas em Minas entre 1º e 15 de outubro

No ano

Entre janeiro e outubro, as queimadas aumentaram 58,98% no Estado. Neste período, a corporação combateu 17.213 queimadas em Minas Gerais, contra 10.827 no mesmo intervalo do ano passado.

Na Grande BH, a alta foi de 46,58%, com incremento de 1.111 focos, saltando de 2.385 para 3.496.