O prefeito de Belo Horizonte, Marcio Lacerda, anunciou neste sábado (21) que a retomada da construção do Espaço Multiuso, no antigo colégio Imaco, está suspensa. A falta de verbas para a obra causou a paralização. A notícia vem na mesma semana em que o Governo Federal barrou R$ 8 milhões para obras de revitalização do Parque Municipal, conforme noticiado pelo Hoje em Dia. Segundo o prefeito, esse empreendimento é uma parceria da PBH com o Estado e não há previsão de conclusão para as intervenções. 
 
“Demos uma ordem de paralisação porque tivemos uma questão técnica de encontrar rochas no solo. O Parque Municipal não deu sorte nessas duas questões (revitalização e Espaço Multiuso)”, disse. “Tinha uma negociação com o ex-governador Antonio Anastasia (PSDB) de R$ 14 milhões para a construção do Espaço Multiuso, mas no fim do ano passado foi cancelado. Se você for lá, vai ver o esqueleto da obra. Agora, teremos que buscar outra forma de financiamento”, acrescentou Lacerda, sem detalhar, no entanto, qual seria a nova fonte pagadora.
 
À princípio, a Fundação Municipal de Parques (FPM) havia informado que as obras seriam entregues no final deste ano, mas a previsão é a de que fiquem prontas em meados de 2016. A obra está orçada em R$ 12,5 milhões. Na sexta-feira (20), o Ministério do Turismo informou que não fará o repasse de R$ 9,7 acordado há três anos, reduzindo o apoio para R$ 1 milhão. Com o impasse, a FPM reavalia o projeto e não há previsão do início das obras. 
 
Ainda neste sábado, o prefeito inaugurou um parque no bairro jardim Vitória, região Nordeste de BH, pedido pela comunidade no Orçamento Participativo 2009/2010. O local teve a inauguração adiada e ficou pronto, apenas, quatro anos após o prazo prometido. Entre os motivos para a demora, segundo a PBH e a Associação de Moradores do Jardim Vitória, estão atos de vandalismo cometidos no ano passado. A obra contempla uma quadra poliesportiva e brinquedos, em uma área de mata de cerca de 350 metros quadrados. O teatro de arena previsto no projeto foi retirado. O custo total foi de R$ 814 mil.