Seis dispositivos eletrônicos, conhecidos como chupa cabras, que estavam instalados em caixas eletrônicos de dois bancos, na região Centro-Sul de Belo Horizonte, foram apreendidos pela Polícia Militar (PM) nesta sexta-feira (15).

Segundo os militares do 1º Batalhão, as apreensões ocorreram após clientes acionarem a PM sob suspeita de que os terminais de caixa eletrônico estavam retendo os envelopes. No Bradesco que fica na avenida João Pinheiro, no bairro Lourdes, e no Banco do Brasil, na avenida Alvares Cabral, bairro Santo Agostinho, os policiais constataram a instalação dos chupa cabras.

Pelo menos um envelope estava retido em um dos caixas. Segundo a polícia, o dispositivo  utilizado para acessar dados de clientes é semelhante ao painel dianteiro de um caixa eletrônico e possui teclado, monitor, leitor de cartão e teclas ao lado do monitor. Os dados dos clientes são copiados e os envelopes depositados retidos. Até o momento nenhum suspeito foi preso.