Seis parques de BH vão reabrir a partir de sábado; público terá que agendar visita

Anderson Rocha
@rochaandis
26/08/2020 às 12:35.
Atualizado em 27/10/2021 às 04:23
 (Divulgação/ PBH)

(Divulgação/ PBH)

Seis parques públicos de Belo Horizonte serão reabertos à população neste sábado (29). Inicialmente, eram sete. O acesso será permitido apenas por meio de agendamento. Além do uso obrigatório de máscara, o visitante não irá contar com alguns equipamentos, como os playgrounds.

Já na semana que vem, os locais funcionarão das 8h às 17h, de quinta a domingo. As informações foram repassadas nesta quarta-feira (26). Um decreto com todas as regras deve ser publicado na quinta (27) pela Prefeitura de Belo Horizonte (PBH). Também amanhã será disponibilizado o cadastro para ir aos locais por meio deste link.

Nesta primeira etapa, a visitação será possível nos parques das Mangabeiras, Municipal Américo Renné Giannetti (Centro), Nossa Senhora da Piedade (Aarão Reis), Municipal Fazenda Lagoa do Nado (Itapoã), Jacques Cousteau (Estrela do Oriente) e Real (Paulo VI).

A liberação das pessoas será por faixas de horário. O objetivo é evitar filas e aglomerações. No entanto, após entrar, o visitante poderá ficar no espaço até o fechamento.

"É uma recomendação que as pessoas cumpram o horário agendado. Mas, se chegou adiantado ou atrasado e não tem fila, então não tem motivo para voltar", afirmou o presidente da Fundação Municipal de Parques e Zoobotânica, Sérgio Augusto Domingues.

Todos os frequentadores terão a temperatura corporal aferida na entrada. Em caso de febre, serão impedidas de acessar e orientadas a procurar um médico. Ainda na portaria, e em outros locais, haverá a disponibilização de álcool 70% para higienização das mãos.

Segundo a prefeitura, a máscara de proteção será obrigatória durante toda a permanência no parque. Deverá ser mantida uma distância mínima de 2 metros entre os visitantes.Divulgação/ PBH

Playgrounds terão barreiras de restrição ao acesso

Equipamentos restritos

Conforme Sérgio Augusto Domingues, esportes coletivos, como o futebol, não serão permitidos. Porém, as quadras estarão abertas para o uso de poucas pessoas. "Quanto mais a gente reduz, mais criamos problemas de dificuldade de distanciamento. Se o pai tem uma bola e quer brincar com o filho, não tem problema”.

Já os playgrounds terão fitas ou barreiras para indicar a restrição. Outras áreas temporariamente suspensas são as pistas de skate e aparelhos de ginásticas.

"Os visitantes poderão, fazer uma caminhada recreativa, contemplar a natureza, realizar práticas esportivas individuais, como corrida, ginástica, yoga, andar de bicicleta, ler um livro", informou a PBH, em nota.

Eventos e passeios com animais domésticos - nos parques onde as atividades eram permitidas -  ficarão suspensos por enquanto. Segundo a prefeitura, a fiscalização será feita pela equipe de funcionários dos parques.

Sobre os bebedouros, estará em funcionamento apenas a parte superior do equipamento (onde ocorre a queda d'água). A parte inferior, usada para consumo diretamente na boca, estará impedida. "Só para reposição de garrafinhas. É recomendado o usuário levar a sua", disse Sérgio Domingues.

Comportamento do visitante

Sérgio Augusto Domingues explicou que outras áreas verdes poderão retomar o funcionamento, de forma gradual e progressiva, a depender dos indicadores epidemiológicos da Covid-19 e do comportamento dos usuários.

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por