O Sistema Paraopeba atingiu, nesta sexta-feira (16), o pior nível da história. Conforme a medição diária da Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasa), o nível foi de 24%. Na quarta (14) e na quinta-feira (15), o sistema também apresentou percentuais bastante baixos, de 24,3% e 24,2%, respectivamente. O reservatório é responsável pelo abastecimento de água da Grande BH.

De acordo com a assessoria de imprensa da Copasa, a tendência é que o nível de água do sistema fique cada dia pior “até que comece a chuva”. Apesar disto, em nota, a empresa garante que o problema não afetará o abastecimento. "A água armazenada nos reservatórios do Sistema Paraopeba é suficiente para garantir o abastecimento de toda a população atendida pelo sistema na RMBH até o mês de janeiro, considerando-se um cenário com ausência de chuvas durante o período e que os atuais índices de economia de água por parte da população sejam mantidos”, diz a nota.