Sol dá as caras, mas chuva deve seguir nesta quarta em BH; veja previsão do tempo

Marina Proton
mproton@hojeemdia.com.br
12/01/2022 às 08:41.
Atualizado em 18/01/2022 às 00:52
 (Lucas Prates)

(Lucas Prates)

Após dias de chuva, o sol voltou a dar as caras em Belo Horizonte. Nesta quarta-feira (12), a capital mineira amanheceu com o céu parcialmente nublado e pontos tímidos de claridade. O cenário, porém, não deve permanecer por muito tempo, já que a previsão meteorológica indica novas precipitações. 

Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), há possibilidade de pancadas de chuva durante todo o dia. A temperatura máxima pode chegar aos 27°C, com mínima de 17°C. A umidade relativa do ar deve variar entre 70% e 100%. 

Em BH, a chuva apenas deve dar trégua na sexta-feira (14), voltando a atingir a cidade já no fim de semana. 

Acumulado de chuvas

Todas as nove regionais da capital já registram mais de 100% do acumulado de chuva previsto para todo o mês de janeiro. Na região Oeste, o índice ultrapassa os 600 milímetros. Veja o balanço:

  • Barreiro 551,4 (167,5%)
  • Centro Sul 558,2 (169,6%)
  • Leste 467,0 (141,9%)
  • Nordeste 387,0 (117,7%)
  • Noroeste 429,8 (130,6%)
  • Norte 351,2 (106,7%)
  • Oeste 620,4 (188,5%)
  • Pampulha 388,2 (118%)
  • Venda Nova 361,4 (109,8%)

Média climatológica janeiro: 329,1 mm

Risco geológico

As fortes chuvas que atingiram BH deixaram os solos da capital mineira encharcados, o que reforça o perigo de deslizamentos de terra. E o volume de água previsto para os próximos dias faz com que todas as nove regionais da cidade estejam em alerta de risco geológico forte até sábado (15). O aviso é da Defesa Civil. 

Um comunicado, emitido pelo órgão na manhã de terça-feira (11), recomenda atenção no grau de saturação do solo, sinais construtivos e cuidados com quedas de muros, além dos deslizamentos e desabamentos. 

Veja as recomendações para risco geológico:

  • Coloque calha no telhado da sua casa.
  • Conserte vazamentos em reservatórios e caixas-d'água.
  • Não jogue lixo ou entulho na encosta.
  • Não despeje esgoto nos barrancos.

Sinais de que deslizamentos podem ocorrer:

  • Trinca nas paredes.
  • Água empoçando no quintal.
  • Portas e janelas emperrando.
  • Rachaduras no solo.
  • Água minando da base do barranco.
  • Inclinação de poste ou árvores.
Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por