Sumiço de dona de casa no Natal permanece sem solução e família pede ajuda para encontrá-la

Juliana Baeta
09/01/2019 às 18:09.
Atualizado em 05/09/2021 às 15:57
 (Arquivo Pessoal )

(Arquivo Pessoal )

A Polícia Civil descartou a possibilidade de crime no caso do desaparecimento de uma mulher de 51 anos em Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, mas as circunstâncias do sumiço repentino da mulher no dia 25 de dezembro preocupam a família, que não acredita que ela tenha simplesmente desaparecido por vontade própria. 

A dona de casa Patrícia Cláudia Cardoso, de 51 anos, mora, desde agosto do ano passado, em Caetanópolis, na região Central de Minas, mas passou a vida toda morando na Grande BH, onde seus filhos vivem. Ela é mãe de Bruna Maia, de 26 anos, de um jovem de 20 e de um adolescente de 13 anos. 

Bruna relata que a mãe é uma pessoa muito tranquila e alegre e que, inclusive, mantém um bom relacionamento com o ex-companheiro e pai do filho mais novo, de quem se separou em agosto, quando decidiu morar em Caetanópolis com seus pais. 

"Ela veio para Contagem no dia 24 de dezembro passar o Natal na casa da minha prima, sobrinha dela, e no dia 25 eu tinha combinado de ir até lá para vê-la. Mas neste dia minha prima me ligou dizendo que minha mãe tinha saído e não estava mais lá. Os vizinhos disseram que ela saiu com uma sacolinha de roupas", conta Bruna. 

Desde então, a família passou a procurar em todos os lugares que Patrícia poderia ter ido, já que ela saiu sem levar o celular. Bruna ainda conta que, como os avós, pais de Patrícia, são idosos, já chegando à faixa dos 90 anos, ela está evitando compartilhar a preocupação com eles. 

Procurada pela reportagem, a Polícia Civil informou que já conversou com diversos familiares e que tudo indica que a mulher saiu por vontade própria e que não há indícios de crime. 

Diante da situação e preocupada com o sumiço da mulher, que já completa duas semanas, a família pede ajuda para encontrar Patrícia. Qualquer informação sobre ela pode ser passada, de forma anônima, à Divisão de Referência da Pessoa Desaparecida pelo telefone 0800-2828-197 ou diretamente com Bruna, por meio do contato (31) 9 9329-6364. 

Patrícia Cláudia Cardoso tem 51 anos, é alta, magra, tem a pele morena e os cabelos negros cacheados.

Leia mais:




 

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por