A polícia está à procura de sete pessoas que invadiram a casa de um suposto estuprador e espancaram o suspeito em Juiz de Fora, na Zona da Mata mineira. Ivan Sebastião, de 30 anos e que sofre de problemas mentais, teve afundamento e traumatismo de crânio, além de diversas escoriações pelo corpo e suspeita de fratura de mandíbula. Ele foi socorrido inconsciente no último sábado (17) e permanece internado no Hospital e Maternidade Terezinha de Jesus nesta segunda-feira (19).
 
De acordo com a Polícia Militar (PM) da cidade, vizinhos do suposto estuprador relataram que viram quando os autores do crime, que usavam roupas pretas e seguravam pedaços de pau e barras de ferro, arrombaram a porta e entraram na residência de Sebastião. As testemunhas ainda informaram que o grupo fugiu gritando "Estuprador tem mesmo que morrer". 
 
Assustados, os vizinhos da vítima acionaram equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e garantiram para a PM que não conhecem nenhum suspeito.
 
O caso é investigado pela Polícia Civil (PC) do município.