Um homem foi preso nessa segunda-feira (21), em Patrocínio, no Alto Paranaíba, suspeito de enganar as pessoas ao se passar por funcionário de uma associação que ajuda hospitais e casas de apoio que atendem pacientes com câncer. De acordo com a Polícia Militar, ele abordava pessoas na zona rural e pedia contribuição para uma suposta Associação Brasileira dos Amigos de Portadores de Câncer.

Denúncias levaram a Polícia Militar a procurar pelo suspeito na região de Santo Antônio da Bocaina. O homem foi encontrado em um veículo VW Gol, onde havia um adesivo alusivo à associação. No bolso da calça do homem havia um cheque de R$ 100, assinado por uma das vítimas. Em uma pasta preta, foram encontrados recibos com supostas doações.

O suspeito disse que circulava pela região do Alto Paranaíba há quatro dias fazendo os pedidos de doações. Ele foi preso em flagrante por estelionato e conduzido para a delegacia de Patrocínio.

Golpistas que buscam doações para a mesma associação já foram presos anteriormente no interior de São Paulo.