Uma jovem de 21 anos e com distúrbios mentais teria sido estuprada na noite deste sábado (6) no bairro Goiânia, região Nordeste de Belo Horizonte. O suspeito do crime foi preso após ser agredido por populares.

De acordo com a Polícia Militar, a vítima estava em um bazar quando foi abordada pelo homem, que a teria chamado para ir até a casa dele. A mulher se recusou a sair com o agressor, que a agarrou pelo braço e arrastou a moça até o imóvel. No local, o suspeito a teria violentado e só parou a agressão quando a mãe da vítima começou a bater no portão de forma insistente. A mulher chegou até o local após vizinhos informarem que viram o suspeito levando a jovem. 

Ao sair da casa, a vítima contou o que havia ocorrido para a mãe e a polícia foi acionada. Mas o suspeito conseguiu fugir antes da chegada dos militares.

Ainda conforme o boletim de ocorrência, horas depois os policiais receberam a denúncia de que um suspeito de estupro estaria sendo agredido por populares. O homem então foi preso e encaminhado para a UPA 1º Maio com várias escoriações. 

Em seguida, ele foi detido e levado para a delegacia especializada de atendimento à Mulher, onde negou o crime e informou que levou a jovem para a casa, mas que a relação sexual foi consensual.