Um homem de 30 anos foi preso no bairro Santa Efigênia, na região Leste de Belo Horizonte, suspeito de fazer parte de uma quadrilha especializada em arrombamentos de casas de luxo em Nova Lima, na região metropolitana. A prisão ocorreu em 21 de janeiro.

O grupo é investigado por pelo menos sete crimes e os prejuízos das vítimas podem chegar a R$ 500 mil. 

Roubo a casas de Nova Lima

Segundo o delegado Daniel Balthazar Coutinho, as investigações começaram depois de um arrombamento a uma casa no bairro Alameda Ipê, em Nova Lima, no dia 24 de dezembro. Na ação, dois homens levaram cerca de R$ 9 mil em dinheiro, joias e relógios. A vítima, um idoso de 65 anos, foi agredido. Câmeras de segurança flagraram o momento em que a dupla tentava entrar na casa.

"Com ele foram localizados diversos pertences de várias vítimas, como relógios, televisões e perfumes. Também foi localizada uma arma de fogo, que foi subtraída de uma das residências de um policial na cidade de Belo Horizonte", explicou o delegado.

A investigação contou com apoio da Polícia Federal, Polícia Militar de Minas Gerais, Delegacia Especializada de Furtos e Roubos de Veículos e Departamento de Combate aos Crimes Patrimoniais de Belo Horizonte.