A Polícia Civil divulgou, nesta quinta-feira (3), o resultado das investigações que levaram à prisão de uma quadrilha suspeita de furto, roubo e adulteração de veículos, em Belo Horizonte e Região Metropolitana. Os presos também são suspeitos de agenciar as vendas dos carros roubados no interior do Estado.

De acordo com o chefe da Divisão Especializada em Furtos e Roubos de Veículos da Polícia Civil em Belo Horizonte, João Francisco Barbosa Neto, 31 veículos já foram recuperados. “A maioria desses veículos eram do tipo Fiat Strada e foram furtados ou roubados em BH, Contagem e Betim, e foram recuperados em Viçosa, Caratinga, Ipatinga, Santa Fé de Minas, São Romão, Brasília de Minas, Ponto Chique e Campo Azul. A soma dos valores de todos carros encontrados chega a R$ 1,3 milhão”, disse.

Das 15 pessoas suspeitas de participarem da quadrilha, dez foram presas. Sendo que sete pagaram fiança e estão em liberdade.

A Polícia Civil informou que vai continuar com as investigações e recuperação dos veículos roubados. A estimativa é de que outros 50 carros levados pela quadrilha sejam localizados.

Leia mais:
Quadrilha especializada em roubo de veículos é presa
Quadrilha especializada em roubo de veículos é desarticulada em Uberlândia
Quatro presos e um apreendido suspeitos de roubo de veículos