Importante aliada no tratamento de pacientes que sofrem com a obesidade, a cirurgia bariátrica foi a opção, em 2018, para mais de 11 mil mineiros no processo de perda de peso. Para atender à demanda por conta da doença, considerada problema de saúde pública, novas técnicas menos invasivas têm chegado ao mercado. Apesar da inovação, especialistas alertam que, sem mudanças no estilo de vida, qualquer alternativa não surtirá efeito.

“Não se pode culpar a pessoa por ter a patologia (obesidade), mas é responsabilidade dela buscar a solução”, pontua o cirurgião e endoscopista Bruno Sander, do Hospital Dia Sander Medical Center. O especialista é um dos palestrantes da feira Expo-Hospital Brasil, a ser realizada de 11 a 13 de setembro em Belo Horizonte. 

Apesar de ser normal ganhar peso de forma controlada, 12% das pessoas retomam a massa gorda de antes da operação

O médico apresentará a gastroplastia redutora endoscópica, conhecida por Overstitch, capaz de, em cerca de 30 minutos, fazer uma sutura interna no estômago, sem cortes. Um equipamento é introduzido na pessoa pela garganta. “É rápido, pouco invasivo e muito eficiente. Faço uma espécie de costura no órgão, sem necessidade de internação”.

Já no primeiro mês, segundo Bruno Sander, é possível perder até 12 quilos. Foi esse o resultado alcançado pelo comerciante Ricardo Aguiar, de 41 anos. 

Com histórico familiar e diagnosticado com obesidade mórbida ao atingir 136 quilos, ele passou pelo procedimento há dois anos. “Tentei várias dietas. Emagrecia e, pouco tempo depois, recuperava o que havia perdido”, lembra.

Hoje, com 104 quilos, ele comemora o percentual de massa magra. “É resultado da nova vida que resolvi ter”, diz.

Pelo Sistema Único de Saúde, o procedimento está disponível para pessoas acima de 16 anos, após análise de equipe médica

Mudança

Decidir mudar os hábitos é essencial para manter o peso conquistado, observa o psicólogo Weslley Carneiro, especialista em comportamento alimentar. “A manutenção a longo prazo depende das reações quanto à alimentação, prática de exercício e quadros emocionais”, frisa.

Mais informações: Feira Expo-Hospital Brasil

Data: 11 a 13 de setembro
Local: Serraria Souza Pinto (Avenida Assis Chateaubriand, 809 – Centro)<EM><QA0>
Site: expohospitalbrasil.com.br

Leia Mais:

Parar de tomar remédio antes da hora expõe paciente a riscos, inclusive de morte

Tecnologia na área da saúde agiliza e humaniza os atendimentos