Semana de chuva fina e espaçada melhora qualidade do ar na capital mineira e em boa parte do Estado, além de trazer benefícios para agricultura, sem causar tragédias chamadas de naturais. A previsão é que o tempo permaneça instável, porém, o meteorologista Claudemir Félix, do Centro de Climatologia Tempo Clima/PUC Minas, alerta para a ocorrência de precipitações mais fortes no sábado.

No entanto, no Norte de Minas, Vale do Jequitinhonha e Mucuri o volume de chuva deve ser menor.

A umidade do ar está em torno de 80%, bem acima do recomendado pela Organização Mundial de Saúde (OMS), que é de 60%. Essa condição climática é por conta de áreas de instabilidade no Sudeste do país, que foram ocasionadas pela atuação de uma área de baixa pressão no litoral do Rio de Janeiro, especialmente.

O céu nublado com chuvas isoladas e fracas deve permanecer até a próxima segunda-feira, quando a ocorrência de precipitação deve diminuir. Porém, ainda há previsão de pancadas de chuva para o restante do mês.