A chuva forte que atingiu Belo Horizonte, na noite desta sexta-feira (15) provocou alagamentos, estragos e fechamento de avenidas com transbordamento de córregos. As regiões mais atingidas foram a Centro-Sul, Oeste e Nordeste. 

Tereza CristinaAvenida Tereza Cristina, BH

A Avenida Tereza Cristina, foi bloqueada pela Defesa Civil por volta das 18h30 e os córregos Ferrugem e Arrudas transbordaram.

No Barreiro, as avenidas do Canal e Senador Levindo Coelho foram interditadas, por volta das 17h, devido ao risco de transbordamento do Córrego Jatobá. A Rua Campo Grande, esquina com Avenida Olinto Meireles, no Bairro Milionários, estava alagada.

Na região da Pampulha, a Heráclito Mourão de Miranda também foi fechada por causa do Córrego Ressaca.

Mais cedo o órgão já havia emitido um alerta de pancadas de chuvas isoladas até às 23h59 desta sexta-feira (15). Os temporais devem registrar volume entre 20 e 30 milímetros e podem ser acompanhados de rajadas de vento em torno de 50 km/h. 

Na avenida Amazonas, na altura no bairro Gameleira, a pista ficou totalmente alagada e dificultou a vida de motoristas que seguiam pela região. Em alguns trechos a água chegou na altura dos pneus de carros e motocicletas.

No bairro Jardim Montanhês, na região Noroeste de BH, a força da água derrubou o muro do Centro de Saúde, que fica na rua rua Leopoldo Pereira. Apesar do susto, ninguém se feriu ​.

Desabamento Muro

Com o transbordamento do córrego Ferrugem, a avenida Tereza Cristina ficou alagada e um caminhão foi arrastado pela força da água. 

 

Segundo o Corpo de Bombeiros, na rua Padre Evangelista, no bairro Coração Eucarístico, na região Noroeste, uma van ficou submersa, com água até a maçaneta. Uma pessoa que estava dentro do veículo foi resgatada.

No mesmo bairro, carros foram encobertos pela enxurruda.

No bairro Jardim Industrial, já em Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horzonte, o Corpo de Bombeiros informaram que foram acionados para o resgate de duas crianças que ficaram presas dentro de casa. Por conta da força da água, a mãe delas não conseguia abrir a porta, mas a situação foi resolvida.

Também em Contagem, uma árvore caiu na rua Rio Mantiqueira, no Bairro Novo Riacho e atingiu a fiação, um carro e uma estrutura de zinco de um prédio residencial. Ninguém se feriu.

ACUMULADO DE CHUVAS (mm), em 15/01/21 às 18h30:

Barreiro: 73,6 (22,4%)
Centro Sul: 51,0 (15,5%)
Leste: 8,8 (2,7%)
Nordeste: 18,4 (5,6%)
Noroeste: 68,6 (20,8%)
Norte: 1,0 (0,3%)
Oeste: 80,2 (24,4%)
Pampulha: 26,2 (8,0%)
Venda Nova: 1,4 (0,4%)

ACUMULADO DE CHUVAS (mm) em JANEIRO até 18h30 do dia 15:

Barreiro: 264,6 (80,4%)
Centro Sul: 395,0 (120%)
Leste: 238,4 (72,4%)
Nordeste: 286,4 (87%)
Noroeste: 347,2 (105,5%)
Norte: 212,8 (64,7%)
Oeste: 350 (106,4%)
Pampulha: 268,2 (81,5%)
Venda Nova: 218,2 (66,3%)
Fonte: Defesa Civil de Belo Horizonte
Média Climatológica JANEIRO 329,1mm