Um jovem de 20 anos morreu e outros dois, de 21, ficaram feridos na tarde deste sábado (11), após o carro onde estavam ser atingido por vários disparos de arma de fogo na avenida Cristiano Machado, na altura do bairro Juliana, região Norte de Belo Horizonte. 

Segundo a Polícia Militar, o padrasto da vítima, que dirigia o carro, contou que um Palio Weekenk de cor verde se aproximou e emparelhou ao veículo e vários disparos foram efetuados na direção deles. Ainda segundo o homem, de 62 anos, em seguida, os autores fugiram.

Ele pediu ajuda para as pessoas que passavam pelo local e os três feridos foram levados para o Hospital Risoleta Neves. O motorista não se feriu. O jovem de 20 foi atendido em estado grave, após ser atingido na axila e no ombro. Ele não registiu aos ferimentos e morreu. Os outras dois jovens levaram quatro dispatos cada um e estão internados. A situação deles é estável.

Os quatro ocupantes do carro são moadores de Vespasiano, na região metropolitana. 

A motivação e a autoria do crime estão sendo investigadas, mas o rapaz morto e um dos amigos têm passagem por tráfico de drogas

Ainda de acordo a PM, durante o depoimento, o padrasto apresentou versões diferentes para os fatos. Primeiro, ele disse que chamou o enteado para ir ao supermercado, para comprar bebidas. Eles teriam feito as compras, pagado e saído. Depois, ele disse que tinha ido buscar os jovens no supermercado.

No local, a perícia encontrou cápsulas de armas calibre .40 e 380.